Eu Posso... 
Lauro Trevisan 

Mesmo que o mundo caísse, 
e sobre mim explodisse, 
destruindo o que era nosso, 
Eu Posso... 

Mesmo que eu me desabasse, 
e nada mais me sobrasse, 
se não ver tudo em destroços, 
Eu Posso... 

Mesmo que abismos medonhos,
 enterrem todos os meus sonhos, 
nas profundezas de um poço, 
Eu Posso...

Mesmo que a fome do mundo, 
caia em mim nesse segundo, 
ainda assim hoje eu almoço, 
Eu Posso... 

Mesmo que a minha doença, 
seja grave de nascença, 
pelo poder do Pai nosso, 
Eu Posso... 

Mesmo que um grande fracasso, 
queira barrar o meu passo, 
eu não paro, eu não tropeço. 
Eu Posso...

Mesmo que eu seja um vencido,
 muito cedo envelhecido, 
eu subo, eu sigo, eu remoço, 
Eu Posso... 

Eu Posso... iluminar o meu caminho, 
eu posso estender a mão ao meu vizinho. 

Eu Posso... encher de amor um coração
 e fazer desta vida uma canção. 

Eu Posso... é a força da energia
 que explode em mim e se irradia. 

Eu Posso... é a força da divindade
 que produz em mim a realidade. 

Eu Posso... renovar minha saúde,
 pois na vida não há nada que não se mude. 

Eu Posso... é a oração bendita
 da minha Força Infinita. 

Eu Posso... perdoar o meu inimigo
 porque vem a mim tudo o que bendigo. 

Eu Posso... Eu Posso... Eu Posso... 

Filipenses 4:13 
TUDO POSSO NAQUELE QUE ME FORTALECE. 

Respeite os Direitos Autorais
Mantenha sempre a Autoria.

 

 

 

 

 Copie o código para colar no scrap do Orkut
 

 

Web designer Ana Amélia Donádio
Página editada em 01/04/2009
®DireitosAutoraisReservados©