Existe Alguém
© Silvia Schmidt ©


Há alguém dentro de você que deseja tantas
coisas que nem você sabe.
Quando vem aquela sensação de vazio e de melancolia,
esse alguém está pedindo que você entenda
as coisas que ele quer.
Você pressente uma extrema necessidade de fugir.



De repente é uma vontade de sair caminhando
sem planejar para onde.
É o desejo de abraçar uma árvore,
de sair levitando rumo ao céu,
de abrir seu coração com alguém
que você nem conhece.

Outras vezes é o impulso de andar descalço,
pisar em verde grama,
sentir o frescor do solo ainda umedecido
pelo orvalho noturno.
Vem a vontade de cheirar pedacinhos de capim,
folhinhas de hortelã,
humildes florzinhas do campo.



Há momentos em que você baixa os olhos
e nada vê além de imagens fugidías
de lugares e paisagens que você jamais conheceu.
Um profundo suspiro solta-se do seu peito,
você não sente o peso do
próprio corpo, não nota aqueles que estão à sua volta.
E quantas vezes eles lhe parecem tão estranhos, não é?

Vêm-lhe desejos intensos de apagar o passado,
de anular o presente, de soltar-se das preocupações com o futuro.
É seu espírito pedindo descanso.
As lágrimas são reprimidas,
os desejos são abafados, os sonhos são adiados,
porque você acredita que " precisa "
estar presente e alerta o tempo todo para resolver
 " problemas ".



Você sabia que o maior " problema " é exatamente você?
Não se permite sentir, não se permite sonhar,
não se permite ser você mesmo(a).
Há alguém dentro de você que deseja tantas
coisas que nem você sabe.
Esse alguém quer que você reconheça que não pode
carregar todos os pesos do mundo nem de todo mundo.
Ele quer que você se trate bem e que se conscientize de
de que cada um está no lugar em que se colocou.

Solte-se.
Viaje para dentro de si próprio(a) e olhe tudo nesse lugar
que lhe parece tão desconhecido, esse lugar que é você mesmo(a).
Você também está onde se colocou.
E assim como entrou, também pode sair.
Aconselhe-se com esse alguém dentro de você
que deseja tantas coisas que nem você sabe.
Pergunte-lhe o que ele quer e abra-se para " senti-lo ".
É nele que estão todas as respostas e soluções.



Esse alguém quer resgatar o seu divino direito
à liberdade de ser único(a).
Esse alguém é sua Alma.
Tente ... você consegue ...
... e aguarde por coisas que antes você considerava milagres ...
Confie.
Só a obediência aos desejos de sua Alma lhe garante a
conquista de perpétua Serenidade.
... e siga sua Vida em paz ...



Silvia Schmidt
No livro " Sorte É Prá Quem Quer "
- direitos autorais reservados -
© 2000 ©

 

 

         

Romantic Home / Web Design Ana Amélia Donádio.
Página editada em 08/10/2002.
®DireitosAutoraisReservados©