Quem?
Ana Amélia Donádio

Quem fui?
Um lápis sem ponta,
um papel amassado.
um isqueiro sem gás,
um livro usado,
um distintivo da paz,
um copo quebrado.
Enfim, não importa o que fui,
se para você não passei
 de um objeto qualquer.



Quem Sou ?
Sou aquela que muito lhe quis,
em você acreditou
e o tempo inteiro pensou
que fosse possível esse amor.
Enfim, não importa o que sou
se para você nada significou.



Quem serei?
Serei aquela que um dia ousou sonhar
e, mesmo tropeçando nas dores da vida,
jamais deixou de acreditar
na existência de alguém
que realmente mereça o meu querer
e que demonstre o seu amor
sem medo de sofrer.



Proibida a cópia sem autorização

"Respeite os Direitos Autorais"

 

 

 

 

 

Romantic Home/ Web designer Ana Amélia Donádio
Página editada em 20/07/2005.
®DireitosAutoraisReservados©